Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Soluções caseiras’ Category

1º Mate umas moscas, mas com cuidado.
2º Deixe ao sol por 1 hora até secar.
3º Recolha as moscas, pegue lápis e papel…e…deixe a imaginação fluir.

Alguns exemplos:

Read Full Post »

Vivendo numa cidade em que é possível aproveitar as quatro estações do ano em um só dia, os paulistanos se deparam com o dilema do “com que roupa eu vou?”. Por isso, nossos queridos amigos portugueses criaram um método simples e eficaz para previsão do tempo.

É muito simples, só deixar uma pedra no quintal de casa e dar uma olhadinha seguindo a escala dos resultados abaixo. Na tela, Datena!

previsao_tempo

Read Full Post »

Tá todo mundo aí desesperado, sem saber ao certo pra onde a economia vai agora com esta crise… Mas como nós somos as donas do circo, a gente até se preocupa, mas busca soluções caseiras pra resolver o problema, certo?

Daí que mew, Britchney resolveu voltar a ser a garota modelo americana, isso depois de raspar o cabelo, agredir paparazzi com um guarda-chuva, chorar na calçada afagando um cachorrinho e virar uma bola depois de tantos frapuccinos.

Ela ressurge agora toda gostosona, com um cd, que pelo jeito vai bombar, magrinha que só, com cabelos lindos e loiros, um sorriso angelical no canto da boca, e se comove ao visitar criancinhas num orfanato. Bonito isso, neam? E olha que nem li num livro! Li em bruoguis de fofoca mesmo. The bitch is back. Não tão bitch como sempre, mas com o manto de santinha sob o corpo.

Agora você se pergunta qual a relação entre o primeiro e segundo parágrafo, certo? É óbvio! Britney é o modelo de garota santa americana que deu errado e agora tá dando a volta por cima. A crise econômica é resultado do fracasso de uma economia já foi invejada por todos, mas que agora também desmorona e deixa mr. Arbusto de queixo caído, babando e sem saber o que fazer. Resta-nos agora esperar que a economia, assim como a Britney, ressurja brilhante, linda, loira, com um sorriso no canto da boca ajudando criancinhas!

Go, Britney economy, go!

Read Full Post »

Vai dizer que você nunca sentiu aquela baita dor de cabeça que dá vontade de arrancá-la fora? Ou então uma dor de estômago? De fígado depois da cachaçada na noite anterior?

Eu já senti muito isso e não só com os pedaços do corpo citados anteriormente. Pra mim, qualquer coisa que esteja de incomodando ou atrapalhando deveriam poder ser removidas.

Ontem, por exemplo, tava com uma baita tendinite no braço esquerdo. Eu acharia super sencional se eu pudesse arrancá-lo, deixá-lo em um balde lá num canto e pegasse outro provisório até essa merda parar de doer.

Tipo carro quando você bate que é levado pra concessionária pra arrumar e te dão outro até o seu ficar pronto?!

É isso. Quero poder tirar as coisas que me incomodam e pronto! É meu direito porra….afinal, é tudo meu mesmo! Hahahaha…..prontofalei!!!

Read Full Post »

Eu acho bonito ver a evolução humana, como conseguimos nos adaptar às mais diferentes mudanças que ocorrem, somos praticamente camaleões. Pensei justamente nisso ao ler a notícia sobre a blitz em shoppings que Didirix postou junto a tantas outras no post abaixo.

Fiquei me lembrando que quando começou esta história de lei seca todo mundo reclamou até não poder mais, ou seja passamos pelas quatro fases da aceitação: negação, revolta, tristeza e aceitação. Na negação a galera saia dirigindo bem louca por aí até comprovarem que SIM, seriam presos. Na segunda etapa, a revolta, neguinho começou a se negar a fazer o teste do bafômetro e concluía que dava merda do mesmo jeito. Aí vinha a terceira parte, a tristeza, pessoal deprimido trancado em casa nos finais de semana. Até chegar na quarta etapa: aceitação! Encaravam os bares sem álcool mesmo e revezavam com os amigos a bebedeira.

Mas, como somos brasileiros e reagimos, não desistimos nunca, damos sempre os nossos jeitinhos, e começamos a encher a cara em locais inusitados, como shoppings! Alternando uma comprinha e outra com um belo copo de chopp. Justamente por isso os “homi” vão fazer blitz por estes lados também. Pensando nisso vamos inovar!

Acredito que agora o pretinho básico da night, a tendência, será beber em locais inusitados:

– beber em parques infantis seria perfeito, que guarda se daria ao trabalho em fazer blitz em porta de parquinhos, circos e afins?

– beber na exposição sobre Bossa na Oca, só assim pra aturar João Gilberto, nem os guardas aguentariam e largariam uma blitz nas redondezas.

– beber na igreja, entrar na fila da hóstia umas 15 vezes, pedindo pro padre caprichar no mergulho da mesma no vinho. Ficaria triloco e não passaria pela blitz.

Enfim, eu dei minhas sugestões, e as suas, quais seriam?

Read Full Post »

Trabalhar em home office é uma idéia bacana, mas pra quem não tem lá sua vida doméstica adaptada às atuais tecnologias pode sofrer um pouco até se acertar. Eis o meu caso! Corri de um lado pro outro, me virei nos 15, pq os 30 já tinham passado há tempos, comprei notebook, fiz plano de internet móvel e os cambal até me plugar no mundo matrix, uhu!

Mas neste meio tempo mil idéias me surgiram conversando com a Didirix. Pq mew, esses planos de internet móvel são uma bica, e quando se tem várias outras contas a pagar, a última coisa que se quer é mais uma, e daquelas que aparecerão todos os meses a porta de sua casa, as temidas contas mensais. Uma merda!

Aí tive a brilhante idéia: vou trabalhar no aeroporto! Cara, nada mais legal do que isso. Montar o seu “home office” no aeroporto. Você pode até mandar fazer cartões com o número do orelhão lá em frente dos embarques internacionais, quando ele tocar você atende “Home Office, bom dia”. Não seria d+? E super econômico mew! Porque aí não precisaria pagar assinatura da merda da Telefonica (sem acento pq eles são burros).

Outra coisa boa de montar o home office no aeroporto é que lá tem wireless for free, então é só você sentar com seu notebook no colo e trabalhar a vonts, porque tá lá pra ser usado mesmo, oras! Mais uma economia, nada de pagar internet móvel!

Lá no aeroporto também tem segurnças, você conhece gente nova todo dia, vários gringos e tals… Tem até água for free, só colar lá no bebedouro.

Então se quiser me trombar, cola lá no aeroporto que estarei por lá!

Read Full Post »

Geeente, e não é que a nossa idéia sobre os aerolitos está ganhando adeptos por todos os cantos??

Acabamos de receber um e-mail na redação de um dos leitores que aderiu aerolitos como meio de transporte. Este leitos é pioneiro no uso do transporte! Na imagem ele aparece estacionando o seu veículo ao chegar ao trabalho.

Seja um adepto do uso de aerolitos você também. Contribua para o meio ambiente, bebe e dirija-o sem correr risco, não pegue trânsito e seja mais feliz. Compre o seu aerolitos também!

Read Full Post »

Older Posts »